quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

A caixa de memórias - Projeto Identidade

A Caixa de Memórias - Projeto Identidade



TEXTO: A caixa de memórias - Projeto Identidade
Focando o trabalho voltado a Identidade é que surgiu a ideia de construir uma caixa de memórias, resgatando as lembranças, memórias e vivências de cada criança junto com sua família.
A Caixa de memórias circulou pelas casas das crianças e sempre retornavam com registros e marcas da história pessoal de cada uma das famílias e seus pequenos integrantes.











Os registros se constituíram de: fotografias, cartões, objetos significativos para a crianças, roupinhas e relatos realizados pelas famílias, registrados num caderno que acompanhava a Caixa de Memórias.
Os objetos e os relatos enviados dentro da Caixa de Memórias eram apresentados para toda turma durante nossa roda de conversa, na forma de novidade trazida pela criança, preparada junto com sua família, sendo uma atividade permeada de significado e constituindo-se numa forma de nos conhecermos melhor e assim compreendermos as especificidades de cada família.





As famílias tiveram a liberdade de preparar a “novidade” que seria encaminha dentro da caixa para a escola. O momento do compartilhar sua história pela criança sempre foi registrado com o apoio do registro fotográfico, constituindo uma outra história – a de nossa turma.
Os objetos encaminhados à creche pelas famílias eram devolvidos no mesmo dia, encaminhados para casa dentro da mochila das crianças.


Todas as vivências compartilhadas visaram o desenvolvimento da identidade, da sociabilidade e expressão das crianças, envolvendo memórias significativas e que as destacam como seres únicos e importantes para nosso grupo. Vejo que além desses objetivos a Caixa de Memórias abordou um outro objetivo – aproximou as famílias de nossas ações escolares, criando uma proximidade e um sentimento de pertencimento no grupo, expresso através da confiança e cumplicidade ao compartilhar momentos e experiências tão particulares.


Turma da Tartaruga - 2015

Professora Sueli Palmen, Terezinha, Cida, Cris e Marcos